Veja por que usar um questionário de triagem de candidatos

Há muitos benefícios em encontrar e contratar profissionais talentosos. Todavia, também existem muitos desafios, como a aquisição com base no fit cultural ou a manutenção de um processo seletivo eficiente. O questionário de triagem de candidatos ajuda a aliviá-los.

A grosso modo, o questionário de triagem consiste em um conjunto de perguntas que devem ser respondidas pelos candidatos. Ele permite uma análise mais profunda, no intuito de identificar seus soft e hard skills. Também torna a seleção mais enxuta e precisa.

Nos tópicos a seguir, explicamos por que aplicar o questionário de triagem de candidatos, quais são os principais desafios e como colocar isso em prática. Continue com sua leitura.

Quais os principais desafios da triagem?

A seleção é, em essência, um processo de triagem. Ela funciona por meio da aplicação de uma série de técnicas que visam distinguir os profissionais mais qualificados daqueles que são menos qualificados, permitindo que os primeiros sigam na seleção, até a contratação.

Nesse percurso, o primeiro desafio é o grande volume de candidatos sem o perfil que se deseja. No momento em que uma vaga é anunciada, muitos profissionais optam por se candidatar a ela. O problema é que muitos, talvez a maioria, não contam com o perfil demandado.

Isso entra em conflito com o segundo desafio: a deadline. Quase todo processo de seleção tem um prazo, que é “apertado”. Ou seja, o selecionador, entre uma série de candidatos com baixa qualificação, deve encontrar um talento. Portanto, é uma corrida contra o relógio.

Esses dois primeiros desafios podem ser agravados com o terceiro: a baixa transformação digital. Muitos gestores ainda precisam fazer tudo manualmente, de forma mecânica, o que torna o processo mais moroso e oneroso. Assim, acabam obtendo resultados modestos.

Felizmente, ao aliar tecnologia com um bom questionário de triagem, esses desafios podem ser superados. O selecionador poderá garantir um processo mais fluido e funcional, focado no que é realmente importante. Assim, tanto empresa quanto candidatos se beneficiam.

Quais são os 4 porquês do questionário de triagem?

Ao longo da seleção, um dos principais problemas é a falta de dados. Se você não conta com informações suficientes sobre os candidatos, terá dificuldade em triar os melhores e poderá até contratar a pessoa errada (enquanto dispensa a certa). Veja como o questionário de triagem funciona e ajuda a eliminar esse problema!

Coleta mais informações sobre os candidatos

Há muitas fontes de informação sobre os candidatos. O currículo ou o registro em uma página de carreira, por exemplo. O ponto é que essas fontes oferecem dados limitados e não são suficientes para que empresa e selecionador conheçam cada candidato.

Com o questionário, torna-se possível obter informações mais profundas e adaptadas ao que realmente importa. Além disso, essas informações podem ser obtidas em praticamente qualquer etapa da seleção, antes ou depois das entrevistas, como o selecionador julgar melhor.

Permite o reconhecimento de soft skills

Basicamente, existem dois tipos de competências. Uma é chamada de hard, pois é mais dura e evidente. Um segundo idioma ou conhecimento de programação são exemplos. No entanto, também há competências soft, que são mais leves e difíceis de interpretar.

gestão de talentos na TIPowered by Rock Convert

Veja três exemplos de soft skills: a habilidade de negociação, a capacidade de resiliência e o senso crítico. Claro, são coisas importantes, mas não existe um certificado ou jeito rápido de reconhecê-las. Com questões estratégicas no questionário, é possível avaliar soft skills.

Aumenta a agilidade do processo seletivo

Se você pensa em aplicar o questionário de triagem de forma manual, escrevendo e depois lendo as respostas, pode ter um grande problema. Isso consome muito tempo e energia. Por isso, o mais natural é que se utilize a tecnologia, como modernos sistemas de RH.

A tecnologia permite que você crie diversas perguntas, depois sumarize as respostas para análise. Softwares avançados possibilitam até mesmo a triagem autônoma dos candidatos, de acordo com suas respostas. Assim, o processo de seleção torna-se muito mais rápido.

Reduz os custos do processo seletivo

Uma pergunta muito importante: qual é o processo de seleção mais caro? É o processo errado! Se você contrata um mau profissional, terá uma série de custos subsequentes. Terá problemas para integrá-lo, treiná-lo e engajá-lo. Mais adiante terá que demiti-lo.

Tendo isso em vista, a precisão no processo de seleção é, em si, uma redução de custos. Se você consegue alinhar isso com mais agilidade, então tem um diferencial competitivo. Ou seja, terá um processo de seleção capaz de entregar resultados fora da curva.

Como a ferramenta Compleo otimiza essa triagem?

A ferramenta Compleo, criada para profissionais de recursos humanos, possibilita que o processo de recrutamento e seleção seja otimizado. Uma das suas principais contribuições está exatamente no questionário de triagem. Veja, adiante, os benefícios.

Primeiro, a ferramenta Compleo permite que o questionário seja totalmente customizado. Você pode criar questões de múltipla escolha, escolha única ou dissertação. Assim, poderá ajustar o grau de abertura da resposta, segundo sua demanda e potencial de análise.

Outro benefício está no fluxo de perguntas. É possível adaptá-lo à sequência de respostas de cada profissional. Portanto, se o profissional A responde uma coisa e o B, outra coisa, a próxima pergunta pode ser distinta para os candidatos A e B. Sendo assim, a sequência de perguntas assume diferentes ramificações, segundo as respostas anteriores obtidas.

Um terceiro benefício está na automação. A ferramenta Compleo permite automatizar a análise das respostas, direcionando os candidatos para as próximas etapas, de acordo com o conjunto das suas respostas. Em alguns casos, elas poderão até mesmo ser eliminadas.

Veja, agora você está por dentro do assunto. Lembre-se de que o questionário de triagem de candidatos é um conjunto de perguntas estrategicamente selecionadas. Elas permitem que o gestor identifique soft skills, assim como o alinhamento do candidato à cultura do negócio. Para tirar máximo proveito, é preciso contar com uma boa tecnologia.

Uma das principais ferramentas é o Compleo. Ele permite customizar o fluxo de questões e criar ramificações, além de triar os candidatos proeminentes. Isso gera precisão, agilidade e economia. Quer aprender mais conosco? Aproveite para assinar nossa newsletter. Vamos lá!

onboarding online


About

Compleo ATS: Software de Recrutamento e Seleção que ajuda você a gerenciar as etapas do seu processo seletivo, desde a abertura da vaga, divulgação, triagem, testes, entrevistas e organização de todas as etapas para que você possa contratar o melhor candidato no menor tempo possível.

Leave Comment