Como reduzir custos do RH sem perder performance nas atividades do dia a dia?

Saber como reduzir custos do RH é uma importante tarefa para qualquer departamento, assim a empresa pode operar com mais lucratividade. O desafio é que essa economia financeira não pode afetar o desempenho dos setores, como o RH, que possuem elevados padrões.

Verdade seja dita, mitigar os gastos nunca é fácil. Todos acreditam que precisam de mais orçamento para realizar as tarefas com maestria, mas não é bem assim! Existem muitas coisas que podem ser feitas e que, certamente, contribuirão para reduzir os custos do RH ou, no mínimo, otimizar a eficiência operacional, permitindo fazer mais com menos.

Pensando nisso, criamos um guia especialmente para você. Hoje, vamos ensinar como reduzir custos do RH sem perder performance nas atividades do dia a dia. Continue lendo nosso conteúdo e fique por dentro do assunto. Boa leitura!

Aposte em treinamentos colaborativos

No Brasil, essa ideia ainda é pouco difundida, mas já é possível ver algumas startups colocando-a em prática. Para ficar claro, o treinamento colaborativo é aquele desenvolvido e aplicado por alguém da própria equipe, com alguma competência específica.

Imagine que em sua equipe há um especialista em marketing. Utilize-o de forma estratégica. Peça que desenvolva uma apresentação sobre o uso das redes sociais para atrair talentos e construir uma marca empregadora, depois compartilhe com o restante do time.

Além de fazer com que o conhecimento retido em algumas pessoas seja compartilhado, esse modelo de treinamento contribui para uma maior integração entre os funcionários, desenvolvimento de habilidades específicas e, claro, a redução de custos.

Investir em treinamentos In Company, na maioria das vezes, custa muito caro! Já os treinamentos Out Company, que possuem custos menores, não beneficiam todo o time. Então, teste o modelo colaborativo e, depois, avalie se alcançou os resultados esperados.

Use vídeos em entrevistas de seleção para reduzir custos do RH

A entrevista é muito importante, pois nela é possível eliminar dúvidas que tenham ficado ao ler o curriculum do candidato e decifrar o seu perfil comportamental. O problema é agendar entrevistas presenciais, especialmente nos estágios iniciais, em que há um grande volume de candidatos, custa muito tempo, energia e dinheiro para os profissionais de RH.

A solução é a entrevista em vídeos, que otimiza a etapa de triagem do seu recrutamento e seleção. Neste modelo, não há a necessidade de uma convocação presencial, tudo pode ser feito à distância, com mais flexibilidade e comodidade para ambas as partes.

Veja, agora, outras funcionalidades:

  1. pode-se compartilhar a entrevista com outros gestores da empresa;
  2. é possível gravar as entrevistas de forma fácil;
  3. pode-se integrar a entrevista com o sistema de contratação usado.

Com as entrevistas em vídeo, em vez de ficar lendo perfis profissionais, é possível obter mais informações sobre cada candidato. Você pode preparar perguntas estratégicas e solicitar que cada candidato responda, depois avançar ou retroceder as respostas, como achar melhor.

entrevista por vídeo

Mensure e melhore os indicadores de desempenho

O uso de indicadores é cada vez mais comum, afinal, hoje o RH é um setor estratégico e subsidia suas ações em informações reais. Mas, é preciso entender que todo indicador negativo é custo para a empresa ou, no mínimo, um recurso que está sendo mal empregado.

Conheça alguns dos principais indicadores:

  • taxa de turnover;
  • índice de absenteísmo;
  • nível de satisfação interna;
  • número de retrabalho.

Analise cada um destes indicadores e busque por melhores resultados. Para tanto, é possível apostar em um modelo de gestão à vista, em que todos tenham conhecimento dos atuais resultados, bem como na definição de metas inteligentes e que desafiem o status quo.

Elimine os erros por falta de comunicação

Peter Drucker, guru da gestão, afirma que mais de 60% dos problemas acontecem por falta de comunicação. No RH, é possível destacar o agendamento de reuniões desnecessárias, falta de alinhamento da equipe de trabalho, uso indevido de cartuchos e folhas para impressão, ocorrência de conflitos e acidentes internos, dentre outros que dificultam a reduzir custos do RH.

Fato é que, para eliminar custos, faz-se essencial uma boa comunicação. São necessários canais eficientes que levem a mensagem do emissor ao receptor com o mínimo de ruídos possível. Conheça, agora, algumas das ferramentas mais utilizadas:

  • murais de recados;
  • sistemas especializados;
  • aplicativos mobile;
  • e-mail corporativo.

O uso da ferramenta ideal depende muito do perfil da equipe de RH, tamanho da empresa e do próprio orçamento disponível. Se a empresa é grande, por exemplo, é melhor usar um sistema especializado ou aplicativo mobile do que um mural de recados.

Utilize as novas tecnologias a seu favor

É cada vez maior o número de tecnologias exponenciais aplicadas à área de RH. E não seria para menos, esse departamento é fundamental para a construção de uma companhia bem-sucedida. Segundo pesquisa, empresas que investem efetivamente na gestão de pessoas possuem desempenho (em média) 51% superior à concorrência.

Dentre as tecnologias, é possível destacar:

  • sistemas de análise de perfil comportamental;
  • testes de raciocínio lógico e proficiência;
  • ferramentas de análises de dados (People Analytics);
  • portais de trabalho de nicho;
  • softwares de recrutamento e seleção.

Os softwares para aquisição de talentos são cada vez mais usados, especialmente porque facilitam cada etapa do processo seletivo, desde a abertura do recrutamento até a escolha do profissional adequado, agregando eficiência, celeridade e economia à contratação.

Um bom software de contratação permite o acompanhamento de cada etapa do processo, levantamento de métricas de desempenho, a centralização da comunicação com os candidatos, a construção de páginas de carreiras e muitas outras coisas.

Construa uma marca empregadora

A construção de uma marca empregadora é cada vez mais importante. Ela garante que os melhores profissionais do mercado tenham interesse em fazer parte da empresa. Grosso modo, seu principal objetivo é atrair e reter talentos.

Uma das grandes vantagens da marca empregadora é que ela ajuda a reduzir custos do RH em até 50% de seus gastos com o recrutamento de candidatos. E mais: contribui para a redução da evasão de talentos em até 28%. Mas, como desenvolver esta marca?

O primeiro passo é construir uma página de carreira, opção já presente nos mais modernos softwares de recrutamento e seleção. Nela, poderá compartilhar informações sobre a empresa, modelo de liderança, chances de crescimento profissional, etc.

Veja, todas são dicas importantes. Ao aplicá-las, conseguirá otimizar o desempenho do RH, garantindo que grande parte dos custos seja reduzido. No final, a companhia atuará com mais liberdade financeira e melhores resultados na gestão de pessoas.

Gostou do nosso conteúdo? Está pronto para reduzir custos do RH? Agora, aproveite para deixar seu comentário no post. Compartilhe suas dúvidas, sugestões ou experiências!


About

Plataforma tecnológica perfeita para seu RH: Compleo ATS: Software de Recrutamento e Seleção que ajuda você a gerenciar as etapas do seu processo seletivo, desde a abertura da vaga, divulgação, triagem, testes, entrevistas e organização de todas as etapas para que você possa contratar o melhor candidato no menor tempo possível. Compleo Vídeo: Software de entrevistas via vídeo que ficam gravadas para serem assistidas a qualquer momento por você, sua equipe ou seus clientes. Ajuda você a não gastar tempo com entrevistas presenciais desnecessárias e também o seu candidato a não ter que se deslocar fisicamente.

Leave Comment