Recrutamento Preditivo, o que significa e o por que é importante?

Quando as empresas precisam contratar novos funcionários, é o Recursos Humanos que lidera a empreitada. O setor cuida da divulgação da vaga, dos objetivos e do perfil do candidato para que a empresa possa segmentar a contratação e agilizar todo o processo. Entretanto, o futuro dará outra face a esse processo. A análise preditiva pode auxiliar muito nessa escolha de candidatos para o cargo específico.

É comum observar as reclamações das organizações ao não saber escolher o candidato certo. Por isso que o recrutamento e seleção preditivo pode fazer muita diferença no setor de recrutamento. Com tanta pressão envolvida na hora da contratação, os gestores podem utilizar de dados quantitativos para verificar o desempenho do candidato e até traçar um perfil ideal deles. Continue a leitura e saiba mais!

Já ouviu falar do Big Data?

O Big Data é a expressão que indica uma quantidade volumosa de dados que conseguem impactar uma empresa diariamente. O conceito não só indica a importância dos dados para uma empresa, como também eles devem ser analisados e interpretados para se tornarem úteis e relevantes em todos os processos, inclusive no recrutamento e seleção.

Ao utilizar o Big Data para selecionar candidatos, você pode analisar rapidamente e de forma automatizada todo o histórico dos dados, permitindo que o sistema crie a compatibilidade certa entre a empresa e um funcionário adequado, combinando os valores éticos, traços da personalidade, palavras utilizadas durante a entrevista, etc. Todos os dados são importantes. Entretanto, quando se sabe utilizá-los, eles se tornam fundamentais para uma tomada de decisões mais estratégica.

Dados e o futuro do recrutamento

Já pensou em mudar o sistema de seleção? Sabia que candidatos que gravam vídeos ou áudios para os recrutadores podem otimizar o seu tempo de entrevista? Afinal, eles serão analisados como se fossem dados, a fim de que você tenha as melhores pessoas para o cargo pretendido.

A análise preditiva, nada mais é, a capacidade de produzir um cenário futuro conforme as estimativas e precisão dos dados. Com estatísticas, análises sistemáticas, você consegue, literalmente, prever o amanhã. E no caso de recrutamento, essa ferramenta tornará o seu trabalho muito mais ágil e eficiente.

Com essa análise, é possível avaliar muitas métricas, desde as expressões dos candidatos (e o que elas querem dizer conforme o perfil traçado pela empresa), comportamento emocional, se está motivado, sério, ansioso, até gestos, olhares, escolhas de palavras expressões. Em um currículo, nem sempre é possível definir o melhor candidato sem olhá-lo frente a frente. E é isso que o Big Data e a análise preditiva propõe de uma maneira muito mais rápida e imediata.

Está pronto?

Para o setor de RH, o recrutamento preditivo é muito vantajoso porque você consegue definir qual é o perfil ideal do candidato. E assim, os dados fornecerão uma análise completa de quais pessoas se encaixam no perfil, quais são melhores para outras áreas da empresa e quais não combinam com os valores. Conforme o comportamento, o gestor saberá também como lidar com o indivíduo após a contratação, uma vez que os dados são capazes de determinar alguns pontos característicos da personalidade.

Você ainda tem alguma dúvida ou observação sobre o assunto? Deixe um comentário abaixo!


About

Leave Comment