Recrutamento para estágios: como fazer

Analisando o mercado atual de recrutamento para estágios, vemos duas faces da mesma moeda: de um lado pessoas buscando novas oportunidades e até uma recolocação, com experiência e preparadas em todos os sentidos para os empregos que o mercado oferece no momento. No outro, encontramos os profissionais que ainda estão dando os primeiros passos, que ainda não conseguiram um emprego e buscam sua primeira chance no mercado de trabalho.

Alguns na verdade, estão em sua segunda oportunidade, mas estagiários são sempre jovens aprendizes cheio de coragem e entusiasmo, em busca de absorver tudo o que podem sobre a profissão e oferecer muita atenção e vontade de crescer.

Mas como escolher os jovens certos para sua seleção de estágio? Existe um perfil padrão para ser estagiário em qualquer empresa? Como deve ser o comportamento da empresa com esses jovens profissionais? Vejamos como funciona o recrutamento de estagiários e sua retenção quando se mostram grandes talentos.

Competência dos jovens estagiários

Nos processos de recrutamento para estágios, existem duas macro competências fundamentais que devem ser de grande importância para os jovens estagiários. A primeira é a competência corporativa, ou seja, aquela que engloba valores e a ética empresarial e que o candidato deve estar obrigatoriamente condizente, para poder concorrer a qualquer vaga dessa corporação.

A segunda macro competência são as funções específicas da vaga como, por exemplo, a exigência de trabalho em equipe, liderança, relacionamento interpessoal e pró atividade. Essas são competências fundamentais e têm um peso enorme na hora do recrutador escolher os melhores candidatos ao estágio.

Como identificar os melhores?

A melhor forma de identificar os candidatos mais preparados e alinhados com o que a empresa precisa, deve ser feito através de entrevistas e dinâmicas e não somente seguindo o currículo. No caso de estagiários e geralmente, pessoas jovens que estão em sua primeira oportunidade de emprego, o currículo tem valor apenas acadêmico e teórico, não levando em conta na prática, o potencial e também o comportamento desse candidato.

É primordial que na entrevista, sejam feitas as perguntas que melhor extraiam do candidato não só seu comportamento e visão de futuro, mas a visão que ele possui da empresa e o que busca oferecer em troca para ela. Além disso, existem alguns pontos que devem ser observados e valorizados no recrutamento para estágios:

  • Compromisso;
  • Criatividade;
  • Organização;
  • Otimismo e positividade;
  • Poder analítico e visão global;
  • Estratégia.

Além desses pontos de personalidade, que valorizam os melhores profissionais do futuro, é importante que haja uma sede pelo empreendedorismo, ou seja, que tenha a busca e inteligência de criar oportunidades e se reinventar criando negócios de valor. Além disso, que ele seja um orientador de resultados, um tipo de competência que está se tornando cada vez mais necessária em um mercado altamente competitivo e que sobrevive por metas.

Por fim, ter um objetivo de vida e carreira, que não seja apenas o momento, mas um foco no futuro, que ele saiba o que deseja fazer e administrar em 5, 10 ou 20 anos, por exemplo.

Apesar de muito jovens e inexperientes, vale a pena dar oportunidade para estagiários, pois não são poucas as empresas que descobrem grandes profissionais em jovens visionários que crescem a partir desses talentos.

E você, tem alguma outra dica de recrutamento para estágios? Compartilhe com os outros leitores!

Gestão de RHPowered by Rock Convert

About

Compleo ATS: Software de Recrutamento e Seleção que ajuda você a gerenciar as etapas do seu processo seletivo, desde a abertura da vaga, divulgação, triagem, testes, entrevistas e organização de todas as etapas para que você possa contratar o melhor candidato no menor tempo possível.

Leave Comment