Liderança 4.0: o que é e quais são suas aplicações.

Embora muito se fale nos avanços tecnológicos e nas diversas maneiras como podem otimizar a produção de uma empresa, sem o fator humano, eles não conseguem desempenhar o seu papel. A grande questão é que, para atender às novas demandas do mercado, a gestão também evoluiu e passou a adotar o conceito de liderança 4.0.

Essa metodologia busca interagir com o colaborador de um modo mais humanizado ao mesmo tempo em que o orienta a respeito de ferramentas tecnológicas capazes de tornar seu trabalho mais simples e aumentar os níveis de produtividade da empresa.

Você gostaria de aprender mais a respeito desse conceito? Leia o artigo e descubra por que a adoção da liderança 4.0 se faz cada vez mais necessária no mercado atual.

O conceito de liderança 4.0

Não é uma novidade, tanto para gestores quanto para colaboradores, que vivemos em um período de rápidas mudanças. O nascimento frequente de tecnologias torna ferramentas, que, antes, eram amplamente utilizadas, obsoletas. Essa é uma situação que, embora possa beneficiar a empresa por meio de funcionalidades úteis, tende a causar certo desconforto sobre colaboradores, que precisam se atualizar cada vez mais rápido.

Uma vez que são justamente os funcionários os grandes responsáveis pela utilização das novas ferramentas, o time de Recursos Humanos precisa implementar medidas para que eles, de fato, confiem nas novas tecnologias e utilizem-nas de maneira adequada.

Nesse sentido, o papel da liderança 4.0 é difundir o uso de novas tecnologias, que, de fato, elevem a eficiência da empresa, ao mesmo tempo em que criam uma relação mais humana com os colaboradores.

O líder com esse novo perfil precisa construir uma relação de respeito e colaboração com os funcionários, de modo que todos possam trabalhar e desenvolver-se na empresa, seguindo seu modelo organizacional e respeitando seus valores.

Mais do que simplesmente estar antenado às inovações tecnológicas, o líder 4.0 precisa ser capaz de encarar seus colaboradores como indivíduos, o que lhe permite conhecer e respeitar seus pontos fortes e fracos. Com base nessas informações, o gestor tem a possibilidade de alocar seus funcionários nas posições mais adequadas, o que tende a se refletir de modo positivo em seu rendimento.

As características de um líder 4.0

Para ser capaz de cumprir essas funções e, de fato, exercer a liderança 4.0, um gestor precisa desenvolver e aperfeiçoar algumas características fundamentais. Dentre elas, podemos citar as elencadas a seguir.

Empatia

É normal que conflitos ocorram no ambiente de trabalho. Afinal, as pessoas costumam estar atarefadas, lidando com prazos e pressão. Uma boa compreensão da situação do próximo, porém, tende a amenizar o clima e reduzir esse tipo de problema.

Para exercer a liderança 4.0, o gestor precisa ser capaz de se colocar no lugar do colaborador e entender seus anseios e dificuldades. Um líder com essa característica é capaz de criar um ambiente de trabalho mais confortável, o que se reflete na produtividade de seus funcionários.

A verdade é que ninguém gosta de trabalhar em um local conturbado e, por esse motivo, um ambiente de trabalho em que o clima realmente é agradável pode servir, até mesmo, como um meio de reter talentos.

Resiliência

Assim como os colaboradores, o gestor precisa lidar com a pressão. Se levarmos em consideração que ele deve supervisionar um grande número de pessoas e solucionar problemas complexos, a pressão sobre o profissional pode, até mesmo, ser considerada maior.

A grande questão é que, para exercer a liderança 4.0, o gestor precisa ser capaz de lidar com essa situação de maneira adequada. Em determinados momentos, todos precisam de ajuda, e saber reconhecer esse fato é importante e pode servir como um exemplo positivo para os colaboradores.

O que o gestor não pode fazer é descontar suas frustrações nos funcionários. Em vez disso, ele deve concentrar suas energias em identificar as melhores maneiras de solucionar seus problemas.

Capacidade de estimular o engajamento

Por fim, um líder 4.0 precisa ser capaz de inspirar seus colaboradores, para que eles sempre se empenhem ao máximo na execução de suas tarefas. Nesse contexto, é importante que o profissional faça com que os funcionários se vejam como membros de um mesmo time, batalhando pela vitória de conseguir resultados cada vez melhores.

A implementação da liderança 4.0

Além de desenvolver as características que foram citadas, o gestor precisa adotar algumas atitudes básicas para implementar a liderança 4.0. Continue a leitura e descubra como proceder para obter sucesso nessa tarefa!

Descentralize o processo de tomada de decisões

Em um mercado altamente competitivo, como o que vivemos atualmente, deixar todas as decisões por conta da gestão tende a atrasar o processo, o que pode acarretar prejuízos, como a perda de possibilidades.

Um líder 4.0, por sua vez, não é tão apegado a conceitos, como o de hierarquia, e delega a seus colaboradores a autoridade para tomar determinados tipos de decisão. Para que esse processo seja feito de modo correto, porém, é importante que o líder, de fato, conte com colaboradores competentes e confiáveis.

Além disso, ele precisa ressaltar que as consequências da decisão, positivas ou negativas, serão compartilhadas pelo time.

Invista na capacitação dos colaboradores

Uma vez que, para que um colaborador tenha uma abordagem mais ativa na empresa, ele precisa ter o conhecimento necessário, é importante investir em sua capacitação. Afinal, um funcionário bem capacitado é capaz de ser mais produtivo, o que só traz benefícios para a empresa.

Nesse contexto, é necessário que o líder 4.0 forneça a seus colaboradores a chance de participar de eventos, como treinamentos e workshops. É interessante que essa tarefa seja confiada ao time de RH da companhia.

Tenha foco na tecnologia

Embora o fator humano seja indispensável para o sucesso de uma companhia, as inovações tecnológicas não podem ser deixadas de lado. Afinal, as funcionalidades auferidas por elas tendem a acarretar verdadeiras revoluções em uma empresa.

Por esse motivo, o gestor precisa ficar atento às novas ferramentas, que podem otimizar a operação de seu negócio. Além disso, ele precisa implementar medidas para que os funcionários saibam lidar com as novas ferramentas e consigam entender o valor.

Conforme o mercado evolui, empresas e indústrias precisam se adaptar às novas demandas criadas por ele. Dentre essas demandas, a implementação de uma gestão mais humanizada e alinhada às ferramentas tecnológicas é fundamental!

Sua empresa já pratica a liderança 4.0? Você pretende implementá-la em seu negócio? Deixe um comentário e compartilhe a sua opinião!

Gestão de RHPowered by Rock Convert

About

Plataforma tecnológica perfeita para seu RH: Compleo ATS: Software de Recrutamento e Seleção que ajuda você a gerenciar as etapas do seu processo seletivo, desde a abertura da vaga, divulgação, triagem, testes, entrevistas e organização de todas as etapas para que você possa contratar o melhor candidato no menor tempo possível. Compleo Vídeo: Software de entrevistas via vídeo que ficam gravadas para serem assistidas a qualquer momento por você, sua equipe ou seus clientes. Ajuda você a não gastar tempo com entrevistas presenciais desnecessárias e também o seu candidato a não ter que se deslocar fisicamente.

Leave Comment