Como funciona o Recrutamento e Seleção para Startups

Estrutura enxuta e muita inovação. Esse é o perfil das startups, empresas que têm como objetivo trazer para o mercado inovações tecnológicas cada vez mais úteis. Para que esta empresa se desenvolva e cresça é necessário ter trabalhando para ela os melhores profissionais do mercado.

Através do recrutamento e da seleção, os responsáveis por este tipo de empresa precisam atrair bons profissionais, que além de ter uma técnica apurada em sua área, também devem ter atitude empreendedora. Veja abaixo como funciona o recrutamento e seleção para uma startup de sucesso!

Atração de profissionais para o setor de startups

Por ser ainda uma empresa pequena, uma das maiores dificuldades que as startups enfrentam é atrair os melhores profissionais, já que podem competir com as grandes multinacionais, que oferecem ótimos salários e ótimos benefícios para os candidatos.

Mas aos poucos isso tem mudado e os profissionais mais jovens têm visto uma grande oportunidade de crescerem dentro das startups, que dão maior liberdade criativa e, por serem menores, mais chances de se destacar.

Quem faz o recrutamento para startups?

Por ter uma estrutura reduzida e não ter um grande departamento de RH, geralmente quem faz o recrutamento são os próprios gestores, o que pode ser uma vantagem por um lado e uma desvantagem por outro.

A vantagem é que o gestor poderá conhecer de perto os candidatos e analisar qual deles se encaixa melhor no perfil da empresa. A desvantagem é que o resultado pode ser inferior ao do setor de recrutamento e seleção de candidatos, que aplicam técnicas aprimoradas que ajudam a identificar os melhores profissionais.

Por isso que, se possível, o ideal é contar com profissionais de RH, mesmo que sejam terceirizados. Para garantir um melhor resultado, é bom que o Gestor acompanhe de perto o processo de seleção e recrutamento dos colaboradores para a startup. A tendência no futuro é que a equipe também acompanhe e ajude neste processo. Algumas empresas inovadoras como o Google já fazem isso com muito sucesso.

Perfil do candidato

Como startups precisam ser constantemente inovadoras, é preciso que o candidato além de ter uma excelente capacidade técnica na sua área de atuação, também tenha uma atitude empreendedora, porque assim, você pode estar certo de que ele sempre criará soluções que só terão a acrescentar para a empresa.

Outras características importantes que o candidato a uma vaga em startups precisa ter são: pró-atividade, criatividade, objetividade, bom humor, prática e comprometimento com o resultado.

Como encontrar esses candidatos?

A tecnologia é uma grande aliada das startups até na hora de encontrar candidatos para preencher a equipe. Nas redes sociais, principalmente no LinkedIn, esses profissionais podem ser facilmente encontrados. Também existem outros sites, como o Mais Startup, que facilitam a aproximação das empresas e de pessoas interessadas a crescer dentro destas empresas.

Contratar um novo colaborador exige processos que devem ser respeitados para que este profissional cumpra com todos os requisitos que são importantes para o bom desempenho da empresa e do resto da equipe. Com um time bem preparado e bem entrosado, as chances da startup se destacar no mercado é cada vez maior.

Ferramentas de alta produtividade

O uso de ferramentas e softwares de baixo custo baseados em modelos SaaS (Software as a Service) também contribuem com o dia a dia das Startups e para o recrutamento não poderia ser diferente. Softwares como o Compleo ATS, por exemplo, permitem um processo enxuto, baseado em Redes Sociais e colaboração envolvendo toda a equipe na hora de avaliar os candidatos. Sem dúvida, uma ferramenta adequada para a realidade, necessidade e bolso das Startups.

Como você recruta os seus colaboradores? Divida com a gente o seu conhecimento nos comentários.


About

3 Comments

  1. Beatriz Campos

    / Responder

    Conhecei o blog agora e me apaixonei, adooro! já coloquei nos favoritos, bjss



Leave Comment